Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




a lei do mais forte!

por aquimetem, em 11.11.09

 

          Como disse, se aproveitei o domingo, dia 5, para vir aqui a este santuário de Nossa Senhora de Fátima assistir à Missa, também ontem, sábado, dia 4, não descorei em  fazer uma ronda  que vou hoje continuar pelos recantos desta cidade que daqui a pouco tempo deixarei de poder fazer. 

          E quando se é agradecido, nunca é demais recordar as coisas boas que nos tocam, neste caso, o terraço que junto da igreja e  com  palanque fixo montado, me serviu de abrigo e eu olvidei  no post  "chuva africana"  

 

          O presente vídeo dá com o anterior uma melhor percepção do local e ocorrências em texto.

          Terreno que  já deve ter sido quintal bem cuidado e produtivo, hoje faz parte com o património urbano e social  do rosto de uma cidade desfigurada e que nada tem a ver com a antiga Nova Lisboa, que Norton de Matos tanto enobreceu.

          A cidade das grandes avenidas vai demorar a reconstruir-se e a curar as feridas da guerra civil, mas se os políticos quiserem é terra com pernas para  voltar a ser uma verdadeira rainha do planalto central angolano, à altura do rei Ekuikui. Que não demore.

          Não sei o que pensam fazer com a maioria dos edifícios neste estado, mas recuperar os que tem estruturas seguras para o fazer não só dava um outro aspecto a cidade, como trabalho e emprego a quem precisa, além de produzir riqueza e desenvolvimento comercial e industrial.

 

           E meus amigos, quer gostem, quer não esta é uma das casas que depois de reconstruída com o mesmo formato original merecem ser preservada, porque também gostem ou não, Jonas Savimbi há-de ser sempre uma referência na história de Angola, como angolano vertical que foi e  herói que tombou rendido, mas não vencido.  

           E porque hoje é domingo, e ontem se poupou nos gastos, há que também ser rico pelo menos um dia e na hora de almoçar. No fim da missa, e mal a chuva me deixou chegar a casa, deu-se meia volta em busca do Largo Wassanjunca, na Cidade Alta, e vai de no Snack-Bar Restaurante Nelce, fidalgamente abancar  e mandar vir: 1 Cozido à Portuguesa, 2000.00 Kz; 2 Peit. Frang. Ass., 2600.00 Kz; 1 Mvelho 375Ml, 1000 kz ; Àgua 1,5Lt, 250.00 Kz; 2 Coca Lata, 200.00 Kz; 1 Couvert simples, 150.00 Kz; 3 cafés, 299.00 Kz; 1 Mousse, 300.00 Kz, e 1 Macieira, 300.00 Kz. Total a largar do bolso: 7099. 98 Kz.  É uma fortuna, num país e numa cidade onde a maioria dos nativos não tên cinco centimos para gastar. Manda,  a lei do mais forte!  

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:00


4 comentários

De mg a 13.11.2009 às 18:01

Poiu é! A lei do mais forte, é que o Compadre comeu que nem um abade!
E o tal Rei Ekuikui a veri, coitado.
Mas, no entanto, nã dêxa de se lamentari, que a vida está má...Ora, quem cabras nã têm e cabritos vendi...etc...!
Ê cá pra mim, aqui andam luvinhas pois...
Nosso Senhor me perdoe, se não!
Quanto a Nova Lisboa, é uma pena demorarem tanto a reconstruirem isto tudo.Realmente era acolhedor.Pena.

De aquimetem a 17.11.2009 às 12:49

E mantenho. Mas, não é para todos, aqueles que a esta hora andam às "enguias e ovos moles" pela ria de Aveiro, nem se queixam , senão da justiça. Para eles tudo bem. Mas a culpa não é deles é de quem vota neles. Eu como não sou fidalgo, não uso luvas. Sou à rei Kuikui !

De capote a 06.12.2009 às 21:55

gostaria imenso de ter a sorte de conhecer Angola, em especial Luanda, quem sabe um dia!
Bom blog, parabéns.
Capote

De aquimetem a 09.12.2009 às 16:18

Enquanto há vida à esperança . E uma vez que se queira já temos meio caminho andado: é o quer. Eu que nunca pensei lá ir, ou melhor aos 18 anos tive vontade de o fazer, mas não me deixaram, fui lá agora quando menos contava fazê-lo. A si, pode acontecer o mesmo. Mas Luanda é muito com plicada, eu gostei mais do Planalto Central . Um abraço e votos de que o seu desejo se cumpra.

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D