Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Mesmo sem o conhecer

por aquimetem, em 18.04.11

          Mudar é o que este País precisa, mudar de política e de governantes. E é o que se espera venha a suceder a curto prazo, para isso se confia no democrata Pedro Passos Coelho que se apresenta como candidato a 1º Ministro e surge disposto a dar um abanão à árvore partidária onde milita para que desta inesperada primavera política caiam algumas  das  muitas folhas outonais...para dar lugar a  novos ramos (e rumos) e os bons frutos apareçam em proveito de Portugal e dos portugueses sem força, nem voz...

          A combate-lo vai ter uma máquina bem montada que já começou a rabear com Sócrates, o mais "brilhante" de todos os seus adversários, a dizer que lhe falta experiência política. Fala a "autoridade" máxima em matéria de governação....Outro que hoje o acusa do mesmo é Basílio Horta aquele ex-CDS que virou PS a  troco de um tacho daqueles chorudos. Ai se fosse vivo o brigadeiro Basílio Horta, e Salazar também!!! Não aldrabem mais o povo que já está farto de mentiras e quase descrente nos políticos. É com política de verdade que se governa e Passos Coelho quer governar, e por isso não esconde: " A austeridade vai ter de prosseguir ", mas na medida do possível sem ferir demasiado os menos favorecidos. Motivo porque o humanista Fernando Nobre não teve pejo em aderir ao projecto de Passos Coelho, mesmo sem o conhecer  

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:57


Pela mão de Sócrates

por aquimetem, em 09.04.11

 

          Ora aqui temos nós um par de dança alegremente...dançado e observado por um dos autores da letra.... Aqui  é que eles se deixam ver tal como são na pratica:uma família unida.

          Para iludir os papalvos, de vez em quando esta "gente do punhinho" vai de dar a impressão ao Zé Pagode de que discorda das asneiras que certo camarada seu comete,mas logo que alguém de fora...apareça para criticar ou corrigir o erro toda a cambada se une em defesa do camarada errante, que  o  mesmo é dizer em defesa da sua própria sobrevivência politica.Todos se juntam desde os Vitorinos aos Ferros, passando pelas Anas e seus anais é um vê-los no olha o nosso!!! E nesta dança nacional entram os corruptos, os pedófilos, as lésbicas e os maricas que espalhados por todos os sectores da sociedade minam e atiraram o país para o estado a que chegou pela mão de Sócrates.

          No caso deste Congresso a decorrer na Exponor, tinha mesmo que ser assim, Sócrates nem tempo deu ao partido para outra opção e se não votassem nele seria o caos no Rato. Estão todos com medo de que lhes peçam contas...E o facto é que Alberto João Jardim já hoje chamou "criminoso" ao PS pelo que fez ao País. Que Passos Coelho não leve essa acusação em conta....

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 19:51


Mais sobre mim

foto do autor



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D