Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Opus Dei

por aquimetem, em 26.06.06

     Na igreja de NS de Fátima, em Lisboa, foi hoje assinalado o 31º aniversário do falecimento  de São Josemariá Escrivá, sacerdote aragonês que, a 2 de Outubro de 1928, por inspiração divina fundou o Opus Dei, em Madrid. Natural de Barbastro (Espanha), onde nasceu a 9 de Janeiro de 1902, Josemaria Escrivá de Balaguer   y Albás  foi ordenado sacerdote a 28 de Março de 1925, na igreja do Seminário de São Carlos, em Saragoça, e sua primeira Missa solene,  na Basilica de NS do Pilar, dois dias depois. A seguir é colocado como regente auxiliar na paróquia rural de Perdiguera , para logo em 1927, com o beneplácito do seu Arcebispo ir viver em Madrid a fim de fazer ali o seu doutoramento em Direito Civil. A sua generosidade e zelo apostólico de pronto o põe em contacto com as pessoas de  todos os ambientes da sociedade madrilena: estudantes, artistas, operários, intelectuais, sacerdotes, etc. Sem descanso, entrega-se em particular aos doentes e às crianças pobres dos bairros periféricos de Madrid. É também aqui que, a 2 de Outubro de 1928, ao fazer um retiro espiritual e, enquanto meditava nos apontamentos das moções interiores recebidas de  Deus nos últimos anos, de repente vê a missão que Nosso Senhor lhe quer confiar: abrir na Igreja  um novo caminho vocacional, orientado a difundir a procura da santidade no meio do mundo, mediante a santificação do trabalho e o cumprimento dos deveres quotidianos do cristão, sem mudar de estado. Beatificado a 17 de Maio de 1992 e canonizado a 6 de Outubro de 2002, este Santo visitou Portugal por varias vezes, por que além do mais era um grande devoto de NS de Fátima. Como hoje dizia o Vigário Regional do Opus Dei, em Portugal, Monsenhor Rafael Espírito Santo, e São Josemariá sempre recomendou aos fieis da Prelatura, para transformar o mundo, o ser humano tem antes de mais que "pôr a sua vida ao dispor de Deus e dos homens". Doutra forma não vai lá!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 22:55


Paróquias gracianas

por aquimetem, em 24.06.06

     Ainda a propósito das paróquias que têm NS da Graça por sua padroeira fui agora pesquisar mais as seguintes: na Diocese de Setúbal, a Vigairaria do Barreiro/Moita, tem-na como titular da igreja matris de Palhais, NS da Graça , cujo código postal é 2830-459 Palhais BRR . Também o mesmo sucede na Vigairaria do Seixal, cuja paróquia de Corroios é consagrada a NS da Graça e o código postal referente à area da igreja é: 2855-151 Corroios. Quanto à Diocese de Lisboa, apenas existe uma paróquia consagrada a NS da Graça é  a Abrigada (Vigairaria de  Alenquer) 2580-042 Abrigada. A famosa freguesia da Graça, em Lisboa ( da Iª Vigairaria )  não é consagrada a NS da Graça, mas antes curiosamente  a Santo André e Santa Marinha. No entanto a Diocese de Lisboa tem na Povoa de Penafirme, o Seminário de NS da Graça cujo endereço é 2560-046 A Dos Cunhados. E claro,  na Graça, o respectivo Convento que como tantos outros imóveis  eram da Igreja. O palácio de São Bento, por exemplo, postos entretanto ao serviço das "forças vivas"  da Nação!!! Até o famoso e histórico "Coleginho" ( ao Socorro), se foi de bandeja, não lhe valeu, nem São Francisco Xavier ! E somos nós um país cristão...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:36


Em dia de Santo António!

por aquimetem, em 13.06.06

     Os efeitos do encerramento de certas maternidades hospitalares, já começaram a dar os primeiros resultados...Hoje uma jovem grávida que foi mandada de Elvas para ser assistida em Portalegre, foi quem tirou a prova dos nove: fruto da viagem e desacompanhamento médico, acabou por abortar pelo caminho, em dia de Santo António! Quantas mais não hão-de abortar derivado a esta original decisão governamental. Que Santo António nos valha, porque  pela via política parece que não vamos lá.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:30


Fraternidade e cultura

por aquimetem, em 12.06.06

     Se na tarde do passado sábado fui com a família Borges Lopes até à Feira do Livro, da parte de manhã tinha ido ao aeroporto da Portela esperar a Gi que  regressou de Cabo Verde, onde esteve em missão de voluntariado, como veterinária, durante um mês.  Foi um dia de fim-de-semana em cheio,  que a vitória de Portugal, no jogo de ontem para o Mundial/06, sobre Angola, por 1-0, veio tornar ainda mais assinalado. E porque a fraternidade não impede que se corrijam as faltas,  ao ter à mão um livro de Calderon Dinís , intitulado "Braga e seu distrito"  fico triste ao ver fazer referências à região de Basto, como esta : " Mais para o Norte passa-se a Baúlhe, uma freguesia bem minhota com uma velha igreja  do séc. XVII e onde se realiza uma feira anual das mais concorridas de 13 a 15 de Dezembro", e na descrição, se tenha ignorado a igreja de Santa Senhorinha, com o túmulo desta  santa portuguesa do séc. X ,  ali na vizinha freguesia do mesmo nome. Mas desculpo, pois  também já cometi o mesmo erro. A freguesia de Santa Senhorinha fica entre o Arco de Baúlhe e Cabeceiras de Basto.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:14


Um mundo, dentro de outro mundo

por aquimetem, em 09.06.06

     O Hospital de Santa Maria é um mundo, dentro de outro mundo. Ali a fé, a esperança e a caridade encontram-se de mão dada num mesmo santuário de avantajadas dimensões que Salazar legou à  então ainda capital do Portugal anterior ao 25 de Abril de 1974. Obra grandiosa, mas nem por isso suficiente para atender quem dela carece para curar ou atenuar mazelas que se abatem sobre o ser humano. Fui lá hoje e como sempre impressiona-me ver tanto doente amontoado em filas  por aqueles corredores e escadarias, de qualquer que seja o serviço de consultas. Mas se tenho dó dos doentes, também não deixo de admirar a paciência de quem tem que lidar ali com eles: administrativos, enfermagem, técnicos de saúde e a respectiva classe médica. Tudo assim, por que quando nos doe um dente é mesmo só o nosso dente... que doe. A perna partida do vizinho do lado, não passa duma simples picadela de mosca sem ferrão. Se em vez de apostarem em estádios e expo's os nossos governantes em hospitais imitassem o "António da Calçada" por certo  que havia menos bichas em Santa Maria e menos doentes nas listas de espera. Mas o que seria das gerações mais novas e dos governantes, sem futebois, rock in rio's e manifestações de rua? Era um país ainda mais pobre e doente.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 15:42


Um insigne vila-condense

por aquimetem, em 06.06.06

     Ontem fui almoçar com o autor da monografia histórico - jurídica "A Ermida do Monte Farinha, em Vilar de Ferreiros - Mondim de Basto" cuja primeira edição saiu em em 1968. O principal objectivo do  repasto e encontro com o Dr. Primo Casal Pelayo foi comemorar a data do seu nascimento na freguesia de Fajozes- Vila do Conde há precisamente 85 anos. Figura generosa e despida de vaidades humanas, o Dr. Primo Pelayo ao empenhar-se pela defesa dos direitos  históricos e jurídicos de Vilar de Ferreiros ao Santuário de NS   da Graça, acabou também por prestar um importantíssimo serviço a toda a região e ao concelho de Mondim de Basto, uma vez que revelou  fontes e documentos históricos que até aí eram desconhecidos de todos os historiadores locais. Só por isso toda a região de Basto e em particular o concelho de Mondim  contraíram uma divida de gratidão impagável para com este ilustre vila-condense  que muito considero e respeito. O saudoso mondinense, Dr. Lemos foi seu amigo e condiscípulo, em Coimbra. Por isso, a sorte de Vilar de Ferreiros foi o Dr. Lemos não se ter  metido na questão do "Iteiro"... - Isto confidenciou-me mais tarde, o Dr. Pelayo. Mas se tal acontecesse era sempre a história de Mondim que ficava mais pobre!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:03


O Amor fala as línguas todas

por aquimetem, em 03.06.06

     A Sandra é uma médica veterinária de nacionalidade austríaca  que no passado dia 1 de Maio foi com a Gi em missão de voluntariado para Cabo Verde. Regressou na 5ª-feira , dia 1, a Lisboa e hoje dia 3 de Junho às 8h30 tomou um avião na Portela com destino a Londres, onde trabalha. Admiro a generosidade destas criaturas de Deus que em vez de gozarem as férias em cruzeiros ou festivais de Rock in Rio, que também têm o seu interesse relativo, optam antes por darem um pouco mais do  seu saber cientifico e técnico aos povos que dele tem carência. E se não precisou de saber português para trabalhar um mês em Cabo Verde (Santiago), também nas poucas horas que esteve em Lisboa sentiu qualquer  falta de cicerone para ficar a conhecer Belém, Sintra e, em Carnide, o Colombo, bastou-lhe um mapa e de mochila às costas toca a marchar. Por certo que não sabendo português jamais poderá ler este post , mas talvez sim, se a Gi quando também regressar lho verter para inglês.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 23:34


EB1 de Vilar de Ferreiros

por aquimetem, em 01.06.06

     Quem diria, aqui há uns 60 anos atrás, que os alunos da velha "escola da seara" de Vilar de Ferreiros  viriam um dia a navegar  na Internet com a mesma  agilidade  com  que os do meu tempo se esmeravam a jogar ao pião e a trepar às árvores de fruto! Mas assim aconteceu para bem dos jovens meus conterrâneos e da terra que tanto carece de gente com preparação cultural e cívica que a sirva e dignifique. Foi um prazer imenso que senti hoje quando ao navegar na Internet descobri um  blog da EB1de Vilar de Ferreiros , muito bem ilustrado com imagens e histórias da nossa aldeia. Parabéns, e não se esqueçam... que Vilar de Ferreiros é também sede duma freguesia e paróquia  com várias aldeias e um santuário famoso: N.S . da Graça ou  Ermida do Monte Farinha...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:09


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D