Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




O valor a quem o tem !

por aquimetem, em 06.03.07

          Há quem não goste, e mais tarde acabe por gostar... Estou a lembrar-me do que aconteceu comigo em miúdo: os troços de couves, no caldo, agoniavam-me e só obrigado à força  os conseguia comer. Mais tarde, já adulto, passei a chamar-lhes um figo! Somos assim. Isto foi-me despertado pelo que acerca de Salazar vs Cunhal, da autoria de Rui Pedro Batista, li no Metro, do passado dia 5: <São sempre redutores, pequeninos, intelectualmente menores os que catalogam. Os da esquerda são assim, os da direita são assado, os católicos isto e os muçulmanos aquilo. As mulheres preferem desta maneira e os homens daquela. Como se fosse possível pegar em massas de gente, aplicar-lhes um rótulo e traçar-lhes assim o perfil, um comportamento tipo, e portanto previsível, e finalmente um destino.

          Serve esta introdução para abordar um dos temas que por estes dias apaixonaram muitos portugueses. A escolha do vencedor do programa da RTP1, "Os Grandes Portugueses". Acredito que na recta final se vão encontrar duas grades figuras recentes da nossa história colectiva: António de Oliveira Salazar e Álvaro Cunhal>.

          Nasci com Salazar, e por culpa dele ou da raça de gente a que ambos pertencemos, sofri as mesmas passas-do-algarve que todos os portugueses desse época. Mas nesta condição: não fomos cobardes, não fujimos nem renegamos a Pátria. Por isso entendo que comparar Salazar com Cunhal é desonrar o História de Portugal. Mas é isso mesmo o que estes nossos democratas tentam fazer. Áh Grande Alberto João! De quem ainda não há muito escrevi : " ...sem ele a Madeira continuava "sã", sem "bicho", mas por certo semelhante ao continente: sem túneis nem viadutos que em prol do desenvolvimento regional liguem com rapidez e segurança o litoral com o interior urbano e rural". O valor a quem o tem !

                                                          

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:15


3 comentários

De touaqui42 a 06.03.2007 às 18:47

Bom , noções de igualdades todos teem.
Mas dizerem que existe comparação entre SALAZAR E CUNHAL é utópico e nada realista da vida do antigamente.
Também eu ruia o talo da couve cru , fui criádo numa zona junto a LISBOA , tinhamos os nossos problemas com a chamáda GNR nessa altura, PUTO , claro , mas sempre em frente.
E faziamos as nossas fogueiras nos SANTOS POPULARES na rua que ainda não eram alcatroádas.
Era lindo de se ver , enfeitava-se as ruas com bandeiras , balões , uma festa portuguesa.
Não comparem CUNHAL a SALAZAR , CUNHAL foi um dos que lutou para acabar com o FACISMO e nada mais .
Esteve preso em PENICHE e se conseguiu fugir foi porque alguém lhe deu a mão para o fazer.
Mas também e segundo se conta , a pessoa que lhe deu a mão pagou com a vida na sua fuga, será assim??.
Vejo que vê a MADEIRA de AJJ com olhos de ver, leio que o trabalho na MADEIRA para o PROGRESSO da mesma é o que eu pensava também , serão essas as invejas que teem da MADEIRA , gastos sim feitos mas mostram trabalho , se é á conta do CONTINENTE , o CONTINENTE também recebe DINHEIRO mas não mostra TRABALHOS , a não ser aqueles para INGLÊZ ver, mas o DINHEIRO foi-se.
Fala-se tanto em CORRUPTEX que até os TRIBUNAIS teem medo de mexer nos PROCESSOS.
Perdoa-se DIVIDAS porque expiram os prazos para os resolver.
PORTUGAL está NÚ , sem FLORESTAS , porque não existe DINHEIRO para mandar comprar ARVORES.
As CELULOSES já compram materia prima (arvores) no ESTRANGEIRO a preços mais altos , mas nada se faz nas FLORESTAS QUEIMÁDAS, nem a REFLORESTAÇÃO se fez para aproveitar as águas da CHUVA.
E teem o DESPLANTE de mencionar que a BARRAGEM DO FOZ COA vai ser erguida , quando se teve uma a fazer e pagou-se balurdios á EDP para não a acabar, gastar mais não sei quantos mais MILHÕES.
Querem fazer comparações , façam comparações com OBRAS e não DITOS ou MEXERICOS.
DIZEM que em 2050 o preço da água será mais cara que a GASOLINA , mas nada se faz para que se aproveite a mesma com as tais barragens que dizem ir agora construir.
Não é para a minha idade verificar se é verdade a comparação dos preços da água e gasolina nessa altura.
Mas que gostava de ver lá isso gostava.
POLITICOS de HOJE são uma TRAMPA.
Na OPOSIÇÃO são uma coisa no GOVERNO são OUTRA , uma cambada de incapazes.

De Sindarin a 11.03.2007 às 17:46

Olá meu amigo! Sem comentários. O valor realmente a quem o teve e tem. "...não fomos cobardes, não fujimos nem renegamos a Pátria..." é isto talvez k faz a diferença entre portugueses e portuguesinhos. Um grande beijinho. Boa semana. Obrigada pela amizade.

De Arte por um Canudo a 13.03.2007 às 21:35

É engraçado o que este post fez-me lembrar. Em pequeno não gostava dos troços das couves mas agora continuo a não gostar e nem posso sequer vê-los que me dão enjoos. Embora digam que só os burros é que não mudam eu continuo a ser casmurro (nem todos são iguais) e com os mesmos gostos . Um abraço

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D