Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Ladrões e Assassinos.

por aquimetem, em 10.01.07

          Soube agora, mas ainda não sei contar a história tim por tim, tim.  A Bajouca, aquela pacata freguesia que me tem por filho adoptivo, foi esta manhã, por volta das 12h00,  palco de mais uma daquelas cenas habituais que por esse país fora começaram a proliferar depois do 25 de Abril ter facultado a vida aos especialistas em assaltos à mão armada!  É verdade, numa terra onde crimes desta natureza quase só se conheciam pela tv, acaba agora de ser palco do assassinato de um respeitado comerciante que ali estava há muitos anos  estabelecido no ramo de ourivesaria  e  que bandidos, desconhecidos na terra, para roubar lhe sacaram a vida.  

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:06


3 comentários

De touaqui42 a 11.01.2007 às 12:15

È verdade , o ourives defendeu o que era de direito o seu ganha pão e uns filhos da mãe (casal) fizeram o favor de dar dois tiros e umas facádas ao mesmo e fugiram sem roubar nada.
Ainda pediu ajuda a uma vizinha mas á chegáda do 112 a coisa piorou para o mesmo ourives e foi desta para melhor.
Tristezas da vida REAL deste PORTUGAL , quando se pode matar uns ladrõeszitos em vez de se poder morrer sem se ter chatices.
Á é verdade , desculpa estava vendo se não me esqueci da cedilha em qualquer parte , ando á caça eheheheheheh.

De guiga a 12.01.2007 às 09:55

Estas notícias assustam-me pois mostram que Portugal não é mais o mesmo país sossegado de outrora!
Cada vez mais a criminalidade cresce e revela-se, e a maior parte das vezes de forma dura e cruel!

Bom fim-de-semana*.*

De Jofre Alves a 12.01.2007 às 19:37

Tempos difíceis, é verdade, mas uma realidade universal, neste desgraçado mundo onde tanta coisa bonita e boa se cria, mas também impera a crueldade e a maldade. Desde sempre, pois o crime não foi inventado agora, mas com o andar dos tempos toma novas aparências. Bom fim-de-semana.

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D