Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




NS da Luz

por aquimetem, em 24.09.06

          Em post recente que publiquei no blog aocorrerdapena , dizia eu que se não fosse antes, pelo menos no dia da  procissão de Nossa Senhora da Luz (último domingo de Setembro) lá estaria  no jardim frontal  ao respectivo Santuário para apreciar o tradicional certame  que em Carnide anualmente se realiza  durante o mês de Setembro. Não faltei ao compromisso que assumi.  Após  terminada a procissão, com trajecto pela  Rua da Fonte, Rua Neves Costa, Centro Paroquial, Estrada da Correia, Largo do Malvar , Largo do Jogo da Bola e  Rua Maria Brown , para de volta à Rua da Fonte regressar à igreja ou santuário de NS da Luz,  agora havia  que ser feirante. Mas antes disso e mesmo antes de visitar a "Fonte do Machado" e com menos confusão o templo, aproveitei um convite da minha mulher e do casal Borges Lopes, para ir comer uma fartura e beber uma mine, pois nem só de pão vive o homem!, ao café do Sr. António, no Largo do Coreto (Carnide velho). Com a boca doce e a garganta refrescada lá fui então de novo em direcção ao Largo da Luz, arrastando comigo, em tarde chuvosa, a  Saudade, minha cara-metade, e o generoso casal Zé Francisco e Fátima. Seus filhos, Hugo e Cristina, depois do lanche no papo, adeus feira da Luz ! Para molha já chegou durante a procissão.

          Já com a igreja mais descongestionada pode-se fazer melhor um pouco de recolhimento e depois pela porta da sacristia descer à fonte do Machado, onde segundo a tradição um tal Pedro Martins, graças a uma luz cintilante que pairou naquele local, encontrou então uma  imagem que em sonhos a Virgem Maria lhe tinha ordenado procurar ali. Com a divulgação do misterioso evento, o povo começou a acorrer ao lugar e a invocar a Nossa Senhora da Luz, tendo  com a permissão do Bispo, esse Pedro Martins iniciado por sua conta e risco a construção da Ermida que mais tarde, D. João III doou aos freires de Cristo, os quais  passado um século construíram no local  o seu convento e a igreja, por  volta  de 1596 . Junta-se a toda esta grandiosa obra que deu fama a Carnide, a mão piedosa da Infanta D. Maria, filha do rei D. Manuel que além do mais patrocinou também a construção do hospital de Nossa Senhora dos Prazeres, onde se encontra instalado, desde 3 de Março de 1803, o Colégio Militar. Embora tudo parcialmente destruído pelo terramoto de 1 de Novembro de 1755, ainda hoje a  imponente  fachada deste com a igreja da Luz constituem um conjunto que prima pela sua originalidade arquitectónica.

          Depois deste arrazoado todo por certo que já ninguém põe em dúvida que de facto fui mesmo à Feira da Luz, pois é sabido que quem no ultimo domingo de Setembro vai ao Santuário que  deu o nome ao certame, logo além de peregrino  tem que ser também feirante, e NS da Luz  até fica radiante.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 19:13


1 comentário

De fdgdfggdf a 07.03.2013 às 04:00

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D